20/10/2015

Cidade de Phuket


Um dos tours que vale mesmo a pena fazer, para além de conhecer as praias e resorts de Phuket, é conhecer a cidade nos seus vários extremos, as suas pessoas, os costumes e hábitos. Escolhemos fazê-lo num carro privado com um senhor que vive na cidade, que tinha uma condução como os demais (agarrem-se!) e que pouco falava inglês. Foi um dia em cheio percorrendo toda a ilha. Começámos pela cidade antiga de Phuket, com lojas muito engraçadas e com ruas que pareciam de brincar de tão baixas que eram as casas. Havia uma grande variedade de cafés e restaurantes e com uma arquitectura extremamente rica, com influências portuguesas e chinesas.











Seguimos depois para o extremo sul da ilha, por detrás de Chalong Bay, para Wat Chalong que é um dos maiores templos budistas de Phuket. É considerado um local de cura pelas duas estátuas de abades que segundo consta possuem poderes curativos lendários e são muito venerados. Nestes locais só podemos entrar descalços e em silêncio. É frequente encontrarem-se pessoas em oração, com incenso e mensagens manuscritas que vão deixando para trás. 







A próxima paragem e depois de uma subida um pouco difícil, cheia de curvas mas com uma vista fantástica onde muitos são aqueles que sobem de mota, a pé ou de elefante, chegámos ao Grande Buda, que fica no topo de Nakkerd Hill. Tem uma vista incrível, a melhor de Phuket, estando a 400m acima do nível da água. Os vários sinos que existem transmitem uma paz única, mesmo com muito calor e humidade à mistura. Há a possibilidade de ser benzido pelos monges, visitar as suas instalações e contribuir para caridade.







Concluímos o tour percorrendo de carro 5 das 15 praias de Phuket, desde Patong que é a mais agitada, a Naithon, Kamala e Hat Karon. 
No último post desta viagem vou mostrar-vos as praias fantásticas, entre elas Maya Bay e em breve o vídeo. Espero que gostem?


2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...